Bolsonaro leva facada durante ato público em Juiz de Fora (MG) nesta quinta



O candidato do PSL à Presidência da República, Jair Bolsonaro, foi vítima de um atentado na tarde desta quinta-feira (6/9), em Juiz de Fora (MG). Bolsonaro fazia campanha no centro da cidade quando recebeu uma facada na barriga. Ele estava nos ombros de um eleitor quando um homem lhe desferiu o golpe. Diversos vídeos circulam nas redes sociais e mostram o momento do ataque. O deputado foi socorrido imediatamente. 

Bolsonaro foi levado à Santa Casa da Misericórdia onde deu entrada pela emergência. Segundo o filho da vítima, o também deputado Flávio Bolsonaro, o pai levou seis pontos e passa bem. Bolsonaro foi atingido na região do abdômem. Segundo o boletim médico do hospital, o candidato teve o fígado atingido e passava por cirurgia até a última atualização desta reportagem. 

O agressor foi identificado como Adélio Bispo de Oliveira, 40 anos. Natural de Montes Claros, também em Minas Gerais. Ele já foi preso pela Polícia Federal, após ser linchado por populares, assim que cometeu o atentado contra o candidato.

Veja o vídeo:

Segundo a Polícia Federal, não é obrigatório que os candidatos políticos tenha segurança, porém, é "recomendável". A corporação confirmou ao Correio que o candidato solicitou o acompanhamento de agentes para a passeata, mas a entidade não soube confirmar se a equipe estava acompanhado ou não o presidenciável. 

Uma multidão se concentra na frente do hospital onde Bolsonaro está sendo atendido. Apoiadores de Bolsonaro e grupos adversários ao candidato já começam a se confrontar em frente à unidade de saúde. A Polícia Militar foi chamada para controlar a confusão.


Correio Braziliense