ANP investiga se postos lucraram com divulgação de falsa greve dos caminhoneiros


ANP investiga se postos lucraram com divulgação de falsa greve dos caminhoneiros
Foto: Reprodução 

A Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) vai investigar se postos de combustíveis lucraram com a divulgação de informações a respeito de uma suposta nova greve dos caminhoneiros. Pelo menos 13 postos do estado de Pernambuco são alvos.

Segundo a ANP, os postos de uma rede teriam divulgado uma nota aconselhando motoristas a abastecer seus carros porque haveria uma nova paralisação, como a ocorrida em maio, contra os altos preços do diesel. O texto dizia ainda que havia risco de faltar combustível.