segunda-feira, 2 de outubro de 2017

Fazendários paralisam atividades em protesto por melhores condições de trabalho

Foto: Divulgação
Fazendários paralisam atividades em protesto por melhores condições de trabalhoServidores da Secretaria da Fazenda paralisam as atividades por dois dias nesta semana em protesto por melhores condições de trabalho. Nesta segunda-feira (2) ficarão sem funcionar os postos fiscais da Sefaz nas regiões sul, sudoeste, extremo sul e oeste da Bahia. Já na terça (3), estarão paralisadas as atividadesnos postos SAC e de atendimento nas inspetorias fazendárias de Barreiras, Bom Jesus da Lapa, Brumado, Eunápolis, Guanambi, Ilhéus, Itabuna, Itamaraju, Itapetinga, Jequié, Luís Eduardo Magalhães, Porto Seguro, Santa Maria da Vitória, Teixeira de Freitas e Vitória da Conquista. O ato será das 8h às 20h. Nas próximas, o protesto deverá se repetir nas região norte e metropolitana do estado até o dia da paralisação geral em 26 de outubro, com ato e assembleia no prédio-sede da Sefaz, no Centro Administrativo da Bahia (CAB). De acordo com a categoria, o clima na pasta é ruim, com desestímulo, sobrecarga de trabalho, falta de pessoal para desempenhar tarefas de fiscalização e internas, e a tecnologia é obsoleta. Há postos fiscais onde não funciona internet, carros das volantes estão parados por falta de manutenção e os alojamentos são de qualidade questionável. Além disso, os fazendários dizem que estão com salários congelados, perdas que ultrapassam 20% desde 2013. 

Encruzilhada: bandidos encapuzados assaltam agência dos Correios e deixam dinheiro durante a fuga Nessa terça (21), quatro bandidos arm...