segunda-feira, 3 de julho de 2017

Conquista: Sessenta servidores da Prefeitura são investigados por vender vale-transporte; nomes foram divulgados

Da Coluna Satélite – Correio da Bahia


Sessenta servidores da prefeitura de Vitória da Conquista são investigados por venderem passagens do vale-transporte. Dentre os casos identificados no esquema, oito já foram punidos com suspensão de 90 dias, sem remuneração, e extinção da concessão do benefício. Em um deles, num único dia, um servidor utilizou o cartão 59 vezes. Do total, 15 ocorrências já tiveram sindicância aberta pela prefeitura para apurar as irregularidades. Os 37 casos restantes terão o processo de investigação instaurado ao longo do mês de julho, segundo o secretário de Administração, Gildásio Carvalho. Os servidores investigados seguem trabalhando normalmente enquanto a apuração é conduzida. As irregularidades foram denunciadas pela Associação das Empresas de Transporte, que flagrou a comercialização dos cartões entre 2014 e 2015.

Os nomes dos investigados são publicados diariamente no diário oficial.

 Blog do Rodrigo Ferraz

59,3 milhões de brasileiros estão com o nome negativado, mostra estimativa do SPC Brasil e CNDL da Redação Região Sudeste concentra o ma...