Pesquisa encomendada pelo Planalto revela que 63% das pessoas querem Joesley preso

Foto: Divulgação
Pesquisa encomendada pelo Planalto revela que 63% das pessoas querem Joesley presoDiante da crise instalada no Planalto após a delação da JBS, o governo decidiu encomendar uma pesquisa para avaliar o acordo feito entre a empresa e a Procuradoria-Geral da União (PGR). Para 63% das pessoas ouvidas, o empresário Joesley Batista deveria ser preso. Realizado pelo Ibope, o levantamento ouviu 1,2 mil pessoas, segundo informações do blog Painel, da Folha de S. Paulo. De acordo, 47% dos entrevistados acham que as penas impostas ao empresário foram "muito leves", outros 22% definiram como apenas "leves", enquanto apenas 16% avaliaram o acordo como adequado. Outros dados apurados pelo governo apontam que, para 51% das pessoas, o Congresso não deve parar suas atividades diante da crise. Já outros 46% pensam que não há clima para votar qualquer medida nesse contexto. Quanto à tese de que a gravação feita por Joesley é clandestina, a opinião pública está dividida. Embora 45% considerem a escuta ilegal, 41% dos entrevistados afirmam que ela está em conformidade com a lei.