Operação Desvio de Rota: 23 suspeitos são presos por roubo e receptação de cargas, um é de Vitória da Conquista
Fotos: Divulgação | PRF
Uma operação para combater o roubo e a receptação de cargas foi deflagrada na Bahia, em São Paulo e Minas Gerais, nesta terça-feira (6). Dezesseis pessoas foram presas na Bahia: nas primeiras horas da manhã, as equipes, formadas por 181 policiais rodoviários federais, 25 promotores e 32 policiais civis, saíram com o objetivo de cumprir 23 mandados de prisão em Salvador, Lauro de Freitas, Alagoinhas, Vitória da Conquista e Feira de Santana, além de Valinhos, no interior de São Paulo, e Uberlândia e Uberaba, em Minas Gerais. Entre mandantes, receptadores, facilitadores e executores dos crimes, outras cinco pessoas foram presas em Minas e São Paulo, até o início da tarde.


A operação foi batizada de Desvio de Rota e foi deflagrada pelo Ministério Público do Estado da Bahia (MP-BA), por meio do Grupo de Atuação Especial de Combate às Organizações Criminosas (GAECO), com apoio da Polícia Rodoviária Federal (PRF) e da Polícia Civil baiana, através do Comando de Operações Especiais (COE). Uma grande quantidade de dinheiro foi apreendida, além de cargas de mercadorias roubadas e duas armas de fogo. Segundo o MP-BA, os principais líderes da organização foram presos.


No ano passado, o grupo roubou cargas no valor de R$ 2 milhões, entre produtos de limpeza, carnes e pneus. Durante a operação, as equipes realizaram ainda buscas em estabelecimentos comerciais que faziam a receptação dos objetos roubados e em galpões onde as cargas eram armazenadas e distribuídas posteriormente. Em três dos seis mercadinhos fiscalizados, foram encontrados produtos roubados, e nos outros três havia a grande quantia em dinheiro, mas que não teve o valor divulgado. Já em dois dos seis galpões visitados, era armazenado um grande volume de produtos roubados. Além disso, um automóvel e um caminhão, ambos com mandado de busca e apreensão expedidos no contexto da Operação Desvio de Rota, foram apreendidos. Informações do Correio.