Vitória da Conquista:Prefeitura libera servidores para protestar contra medidas de Temer
 
A Prefeitura de Vitória da Conquista, do PMDB, talvez seja a única do país, ligada ao presidente Michel Temer, que tenha feito isso.

O título da matéria não está errado! Um ofício, assinado pelo secretário municipal de administração, Gildásio Carvalho, encaminhado ao Sindicato dos Servidores Públicos Municipais, libera a categoria para participar da chamada ‘Greve Geral’, que acontece na próxima sexta-feira (28), sem cortar salário, como vai acontecer em outras cidades, a exemplo de Salvador e São Paulo.

A manifestação tem como principal bandeira protestar contra as medidas do presidente Michel Temer, correligionário do prefeito de Conquista, Herzem Gusmão.

Na capital do Sudoeste baiano, a manifestação promete reunir milhares de pessoas na Praça Barão do Rio Branco.

Blog do Rodrigo Ferraz