Boa Nova: quarto suspeito de participar de roubo ao Banco do Brasil é morto em confronto com a Polícia


Foto: Divulgação | SSP-BA
O quarto suspeito de integrar uma quadrilha que roubou ao Banco do Brasil de Boa Nova, no Sudoeste Baiano, morreu em confronto com a polícia. O roubo aconteceu na última terça-feira (4), e outros três suspeitos também morreram também em confronto com a Polícia. 


Confira o boletim da Secretaria de Segurança Pública do Estado da Bahia:
O cerco montado contra a quadrilha que roubou uma agência bancária, na cidade de Boa Nova (última terça-feira), localizou, na noite de ontem (7), um quarto integrante. Fabiano Antônio da Silva, 32 anos, natural do Ceará, entrou em confronto com PMs e acabou não resistindo aos ferimentos. O assaltante estava escondido no povoado de Surucucu, zona rural da cidade de Catingal. Outros três criminosos que faziam parte do bando morreram em confronto no dia do roubo ao banco.

Na residência que Fabiano usou como esconderijo foram apreendidos um fuzil calbre 5,56, uma pistola calibre 380, um colete balístico, roupas camufladas e celulares. “Sabemos que ainda existem remanescentes da quadrilha, alguns feridos, escondidos na mata, principalmente em povoados na zona rural. As varreduras continuam sendo realizadas”, contou o comandante da Companhia Independente de Policiamento Especializado (Cipe) Central, major PM Fábio Rodrigo de Melo Oliveira.

O oficial lembrou que a população deve continuar ajudando através do WhatsApp Denúncia da unidade (73 – 981782159). Participaram da operação guarnições dos Pelotões Especiais Táticos Operacionais de Maracás (93° CIPM) e de Poções (79° CIPM), além de militares de Manoel Vitorino. Todo o material apreendido foi apresentado na 9ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin), sediada no município de Jequié, e passará por perícia no Departamento de Polícia Técnica (DPT).