Bahia tem 21 cidades com racionamento de água; até 2016, 2 adotavam medida extrema


Itiúba sofre com estiagem/Foto: Reprodução/Calila Notícias

Bahia tem 21 cidades com racionamento de água; até 2016, 2 adotavam medida extremaSubiu para 21, o número de cidades baianas com racionamento de água. O fato chama à atenção porque até o final do ano passado, apenas dois municípios tinham adotado a medida. Eram os casos de Vitória da Conquista e Belo Campo, no sudoeste. Agora, a lista inclui mais 19 cidades. Segundo o Correio, integram a relação as cidades de: Queimadas, Santaluz, Senhor do Bonfim, Jacobina, Jaguarari, Caldeirão Grande, Andorinha, Itiúba, Ponto Novo, Filadélfia, Seabra, Brotas de Macaúbas, Ibitiara, Novo Horizonte, Bonito, Palmeiras, Tapiramutá, Entre Rios e Morro do Chapéu, além das localidades de Angico (distrito de Mairi), Umbuzeiro (distrito de Mundo Novo) e Altamira (distrito de Conde). Segundo a Embasa, a medida extrema do racionamento foi adotada pela diminuição do nível dos mananciais usados para o abastecimento das regiões.