Crise no ES: Policiais civis do Espírito Santo fazem paralisação após morte de investigador

Vitória/ES - Polícia Civil do Espírito Santo faz paralização até a meia noite de hoje (8) em protesto ao assassinato de um investigador em Colatina e às más condições de trabalho. 

Vitória/ES - Polícia Civil do Espírito Santo faz paralização até a meia noite de hoje(8) em protesto ao assassinato de um investigador em Colatina e às más condições de trabalho. (Tânia Rêgo/Agência Brasil)

Os policiais civis do Espírito Santo fazem uma paralisação até meia-noite de hoje (8) em protesto pela morte de um investigador ontem (7) em Colatina, na região norte do estado. O agente foi morto em serviço quanto tentou evitar um assalto.
Entidades da Polícia Civil que reúnem delegados, peritos, investigadores, médicos legistas, peritos criminais e agentes não descartam uma greve por reajuste salarial e melhores condições de trabalho. O Sindicato dos Policiais Civis do Espírito Santo fará uma assembleia amanhã à tarde para deliberar sobre a questão. A categoria apoia o movimento dos policiais militares do estado, que há cinco dias deixaram de fazer o patrulhamento das ruas.

(Tânia Rêgo/Agência Brasil)