Temer volta atrás na repatriação de recursos para municípios

images-cms-image-000492522-copia
Por Assessoria Parlamentar

Em pronunciamento nesta terça-feira (20), na Câmara dos Deputados, o deputado federal Waldenor Pereira (PT-BA) manifestou o seu descontentamento com “a falta de palavra do presidente Michel Temer, que havia se comprometido com os prefeitos do Brasil em liberar ainda em tempo os recursos da repatriação para fecharem as contas deste ano”.

Com a edição de Medida Provisória, Temer teria decidido que esse repasse só seria feito a partir do dia 1º de janeiro, através de novos mandatos de prefeitos. Após várias manifestações contrárias à sua decisão, inclusive do deputado baiano, o presidente  voltou atrás e decidiu liberar o recurso ainda em 2016.

MALDADE E CORRUPÇÃO

O parlamentar petista também aproveitou a sua fala para alertar à população sobre as “maldades do governo Temer” expressas na PEC 241/55 e reforma da previdência, alfinetando os governistas de que “as sucessivas delações da operação lava jato estão comprovando, de forma inequívoca, que os maiores corruptos do Brasil são exatamente os golpistas, aqueles que compuseram o tribunal de exceção para afastar uma presidenta honrada, honesta, que não cometeu nenhum ato de improbidade administrativa, não cometeu nenhum crime de responsabilidade, muito menos atentou contra a constituição federal”.

OUÇA O VÍDEO: