"Dez Medidas contra a Corrupção" 

Waldenor é contra a anistia do caixa dois


Na noite de hoje (23), quando se aprecia o substitutivo ao Projeto de Lei 4850, que acolhe as “Dez Medidas Contra a Corrupção” propostas pelo Ministério Público Federal e apoiada por milhões de brasileiros, o deputado federal Waldenor Pereira (PT-BA) antecipou o seu voto contrário à proposta de emenda ao PL que prevê a anistia ao caixa como prática de corrupção. 

A medida é vista pelo parlamentar conquistense como “uma agressão ao projeto, que tem por objetivo apresentar mecanismos de enfrentamento à corrupção”. 

“Nós compreendemos que quem é a favor do combate à corrupção, que quem é contra a corrupção no Brasil, não pode apoiar uma proposição que está sendo especulada e será apresentada enquanto emenda a esse projeto de lei, que propõe a anistia do caixa dois”, discursou em plenário o deputado. 

Waldenor disse que está “atento, acompanhando passo a passo o parecer do relator, na expectativa de que o aprimoramento que está sendo realizado na proposta original, garanta a preservação de direitos constitucionais e defesa do povo brasileiro e, assim, poder votar favoravelmente a esse projeto de lei”.