Com reforma da Previdência, contribuição de servidor público pode chegar a 20%

Com reforma da Previdência, contribuição de servidor público pode chegar a 20%
Foto: Divulgação

A reforma da Previdência pode atingir servidores públicos municipais, estaduais e federais. De acordo com o Extra, o governo federal estuda uma mudança chamada de “contribuição de alíquota especial” para os funcionários públicos. Uma fonte ligada à discussão do tema diz que a proposta seria passar a contribuição de 11% para até 20%. O aumento ainda não está fechado, mas a ideia é de que ele fosse cobrado nos próximos seis anos para diminuir o déficit que existe na União, nos estados e nos municípios. Nesta quinta-feira (6), representantes de sete estados foram a Brasília para discutir o tema com o presidente Michel Temer e defenderam que o percentual seja fixado em 14%. A ideia da equipe ministerial, contudo, seria aplicar o valor maior no chamado período “agudo” e só depois fixar o porcentual em 14%. A União também estuda mudar a contribuição de aposentados e pensionistas, que hoje só pagam quando o valor ultrapassa o teto do INSS de R$ 5.189,82. Caso a mudança seja aprovada, os inativos terão que contribuir sobre todo o valor recebido.