PM sitia o Masp e revista jovens ante-Temer em SP 


Repressão a manifestantes contra o governo interino de Michel Temer e os "jogos da exclusão" não ocorreu apenas no Rio de Janeiro; em São Paulo, a PM impediu o acesso ao vão livre do Masp, onde seria realizado um protesto, e revistou dezenas de jovens; "A PM de SP achou hoje que o Masp não era um bom lugar pra protestar, e resolveu fechá-lo com um cordão de centenas de policiais. Ninguém entra sem autorização do estado", informa o coletivo Mídia Ninja;


SP 247 – Repressão a manifestantes contra o governo interino de Michel Temer e os "jogos da exclusão" não ocorreu apenas no Rio de Janeiro. Em São Paulo, a PM impediu o acesso ao vão livre do Masp, onde seria realizado um protesto, e deteve dezenas de jovens.

A PM de SP achou hoje que o Masp não era um bom lugar pra protestar, e resolveu fechá-lo com um cordão de centenas de policiais. Ninguém entra sem autorização do estado.

ACONTECE AGORA | Em São Paulo cerca de 70 adolescentes e jovens são enquadrados pela GCM sem motivo aparente. O grupo estava sentado em uma escadaria a menos de 100 metros da concentração do ato contra as Olimpíadas, no Vão Livre do Masp.