Milhares vão às ruas contra Temer e o golpe no Rio
:
Caminhada de Lutas, organizada por diversos movimentos sociais, se concentrou em frente ao Hotel Copacabana Palace, na zona sul do Rio de Janeiro, nesta sexta-feira 5, dia da abertura oficial dos Jogos Olímpicos; manifestantes pedem a saída do presidente interino, Michel Temer, a volta da presidente Dilma Rousseff, a permanência de direitos e benefícios e evocam gritos contra a entrega do pré-sal; o grande ato deve se estender até à noite e terminará no estádio do Maracanã, onde ocorrerá a cerimônia de abertura da Olimpíada; Temer fará o discurso de abertura dos Jogos e já aguarda vaias.

247 - Milhares de brasileiros estão nas ruas do Rio de Janeiro nesta sexta-feira 5, dia da abertura oficial dos Jogos Olímpicos, contra o golpe e pela saída do presidente interino, Michel Temer, do poder.

A Caminhada de Lutas, organizada por diversos movimentos sociais, se concentrou em frente ao Hotel Copacabana Palace, zona sul do Rio. O ato também tem como mote "nenhum direito a menos" e entoa gritos contra a entrega do pré-sal a estrangeiros e contra a Rede Globo.

O protesto - organizado pelas frentes Povo Sem Medo, Brasil Popular e Esquerda Socialista, além da Plenária dos Trabalhadores em Luta do Rio e o CSP-Conlutas - deve se estender até à noite e terminar no estádio do Maracanã, onde ocorrerá a cerimônia de abertura da Olimpíada. Temer fará o discurso de abertura dos Jogos.

Acompanhe ao vivo os protestos pelo Mídia Ninja: