Entre Rios: Petroleiros fecham BR e protestam contra venda de campos da Petrobras
Entre Rios: Petroleiros fecham BR e protestam contra venda de campos da Petrobras
Foto: Reprodução / Sindipetro-BA

Uma manifestação bloqueia na manhã desta terça-feira (26) um trecho da BR 101 em Entre Rios, no agreste baiano. O protesto faz parte do dia de manifestações nacionais contra a venda de campos terrestres da Petrobras. Na Bahia, onde é feita a exploração e produção de petróleo e gás natural, os terrenos ficam em municípios como Alagoinhas, Catu, Araçás, Entre Rios, Cardeal da Silva, Esplanada, São Sebastião do Passé, Pojuca, Candeias e São Francisco do Conde. Os manifestantes se concentram no km 63 da rodovia, próximo ao trevo de Entre Rios. Segundo a Polícia Rodoviária Federal, cerca de 70 pessoas participam do ato desde as primeiras horas da manhã. Conforme nota do sindicato dos petroleiros na Bahia [Sindipetro], a paralisação tem como objetivo chamar a atenção da sociedade para o fato de o governo interino de Michel Temer “estar entregando reservas bilionárias de petróleo, que são do povo brasileiro, às empresas privadas”. O Valor Econômico, recorre o Sindipetro-BA, informou que somente na primeira licitação, em agosto, a atual direção da Petrobras pretende vender para empresas privadas reservas de petróleo avaliadas em mais de US$ 2,5 bilhões de dólares, por US$ 200 milhões de dólares. Outras manifestações ocorrem nos estados de Sergipe, Espirito Santo, Ceará, Rio de Janeiro e Rio Grande do Norte, puxados pelos sindicatos locais e com o apoio da Federação Única dos Petroleiros (FUP).